Todos nós sabemos que a Netflix estuda maneiras de implementar no seu serviço o download do conteúdo no catalogo do serviço de Streaming. O CEO da empresa Reed Hastings comentou sobre a possibilidade em uma entrevista a alguns meses.

Desde então só surgiram mais especulações sobre o assunto surgindo diversos rumores, mas de acordo com a empresa a possível demora do desenvolvimento desse novo recurso é alto nível de complexidade para que os hackers não consigam acessar os arquivos baixados e disponibilizar na internet.

Ted Sarandos executivo da Netflix argumentou sobre o tema, a baixa é que nem todos os países poderão contar com esse recurso: “Agora que estamos presentes em mais territórios, percebemos que todos eles têm diferentes níveis de velocidade banda larga e acesso Wi-Fi. Cada país possui se adaptou possuindo seus próprios comportamentos para serem muito mais que uma cultura de download. Com isso, nesses territórios emergentes começa ser um pouco mais interessante [o download offline], uma vez que nós queremos entrar mais e mais no mundo subdesenvolvido e países em desenvolvimento, precisando assim encontrar alternativas para as pessoas usarem Netflix facilmente”.

Depois dessa declaração nos da muita esperança para que esse serviço seja disponibilizado aqui no Brasil, já que se compararmos com os outros países a velocidade da nossa internet ainda não é a das melhores do mundo. O “X” da questão é se houver aumento na mensalidade dos usuários pode acabar não agradando. 

Fonte: Tudo Celular

Relacionados

Deixe uma resposta